domingo, 30 de abril de 2006

Cliques e Flashes



Quando nas jantaradas de aniversário abundava farta bebida e comida, quando os estômagos mais intrépidos se aventuravam, aí, os neurónios começavam a titalar!!!
Reparem na cara laróca do amigo Cajó, depois de um jantar, regado com umas bejecas!!!

posta metida por: Ricardo Granjeia a 30.4.06

2 comentário(s)

sábado, 29 de abril de 2006

Acrobacias húmidas



Dotado de grandes capacidades acrobáticas, o nosso amigo César, aka Catapeta, por vezes surpreende tudo e todos. Esta foto é uma prova disso, ou parte disso, pois capta já o momento final de um triplo salto mortal, encarpado com dupla pirueta à frente, resultando neste bonito momento Kodak.
Quem sabe um futuro promissor nos Jogos Olímpicos em saltos pra água.

posta metida por: Ricardo Granjeia a 29.4.06

1 comentário(s)

sexta-feira, 28 de abril de 2006

Batmaky Batmaly 2

Ao fim de longas buscas no mui extenso arquivo, fui encontrar a capa (agora remasterizada) do 1.º e único cd publicado pelo célebre conjunto musical Batmaky Batmaly, intutulado “Culhões de Deus”.
Este disco, editado em 90 e poucos, pela Catapeta Records, incluía sucessos como: “Fui à praça comprar peixe”, “Para ti, Nuxa”, “Clemente”.
Quanto à sonoridade desta banda mediática, ainda se está por descobrir na famosa K7, algures num baú poeirento.


Capa Oficial


Capa alternativa

posta metida por: Ricardo Granjeia a 28.4.06

3 comentário(s)

quinta-feira, 27 de abril de 2006

Café Paradise



EHEHE! A posta de pescada que muitos estavam à espera!!! Depois de algumas atrás, se ter falado nesse grande centro de entretenimento de nome Spectrum, era impossível não se falar deste grande jogo!
O Café Paradise, em 1985, foi o primeiro jogo de plataformas do género erótico alguma vez feito em Portugal, da editora Damatta, para o formato Spectrum.
E digo-vos, este jogo fazia as delicias de todos, (às escondidas) e na secundária, quem não tinha uma cópia deste jogo,
não era digno de se dirigir palavra!!
O táctica de jogo era si
mples, andavamos por um corredor infinito, onde por vezes aparecia uma menina a convidar-nos a entrar, é aí é que era o regalo! mas por vezes, na pior das hipóteses, lá aparecia o ladrão que te roubava os velhinhos escudos!! E quando o convite das meninas era irrecusável, lá vinha o Reinaldo!!!
Deixo-vos uns screenshots deste maravilhos
o jogo que marcou uma geração!














E para finalizar, uma surpresa: P'ra quem quizer dar uma voltinha no Café Paradise, aqui fica os links:

Software Emulador - 1,07 MB
Rom Café Paradise - 21,2 KB

AJUDA: As teclas são: E - Entrar no café; S - Sair do café, 0 - Disparar; A - Assaltar...e o resto...sejam imaginativos, não é dificil!!!

posta metida por: Ricardo Granjeia a 27.4.06

4 comentário(s)

quarta-feira, 26 de abril de 2006

Férias 3


A praia: local de diversão pr'a toda a malta, ponto de encontro e lazer nas férias grandes da escola!
O momento ficou recordado para sempre!
Catapeta, Ricardo, Nuxa, Hélio, Cajó e Carlos!

posta metida por: Ricardo Granjeia a 26.4.06

0 comentário(s)

terça-feira, 25 de abril de 2006

As Fábulas da Floresta Verde

Mais um desenho animado para recordar. Hoje deixo-vos "As Fábulas da Floresta Verde", contavam as aventuras de vários animais da floresta, que era verde, pelos vistos. Dos personagens principais, destaco o simpático casal de marmotas Joca e a Mara, e outros que infelizmente a minha memória já não recorda. Para finalizar, e para quem tiver o desejo enorme de cantarolar a música do genérico, aqui fica a letra!



Powered by Castpost

"É bom ver na Floresta o Sol nascer,

é bom imaginar o que irá acontecer,

são tantas amizades,

são histórias de amizades,

que vão nossos amigos animais viver,

São mil aventuras entre os animais,
fabulosas fábulas de encantar,

São mil aventuras tão sensacionais,

fabulosas fábulas que nos fazem sonhar...

São tantas coisas que aqui se vão passar,
são tantos animais que brincam sem lutar,

por isso na floresta há sempre aquela festa,

a festa da amizade que se tem p'ra dar..."


posta metida por: Ricardo Granjeia a 25.4.06

4 comentário(s)

domingo, 23 de abril de 2006

Tom Sawyer

"Tu andas sempre descalço, Tom Sawyer!!...." Era assim o refrão do genérico desta série! Contava as aventuras de Tom Sawyer, Huckleberry Finn e dos seus amigos, que brincavam aos piratas no Rio Mississipi!
Personagens como o Indio Joe, Cid, Becky, entre outras, fazem parte do nosso imaginário infantil/juvenil, da série que nos chegava pela hora do lanche.
Baseado no romance de Mark Twain, As Aventuras de Tom Sawyer estavam cheias de emoção, amizade e diversão, que cativavam toda a pequenada!
Para os interessados, a série completa está à venda em DVD nos locais da especialidade!


posta metida por: Ricardo Granjeia a 23.4.06

1 comentário(s)

sábado, 22 de abril de 2006

1º de Dezembro - 2ª parte - O Regresso



O serão não seria o mesmo sem umas guitarradas à mistura! Depois de uma bela jantarada à moda dos Açores, o Gonçalo e a Carla Guerra, propõem uma pequena "performance", que resulta num descambar de versos porcos e coreografias obscenas.
Ora vejam lá se ainda sabem a letra!!!

posta metida por: Ricardo Granjeia a 22.4.06

4 comentário(s)

sexta-feira, 21 de abril de 2006

O Vitor

O Vitor, é um amigo que conhecemos, já faz algum tempo, na passagem de ano na Aldeia da Luz. De brandos e conservadores costumes, desde cedo se prontificou a desenrascar-nos o que quer que fosse, incluindo a levar-nos aos bailes e a abrir-nos as mines, da peculiar maneira que as fotos mostram!
Um grande, grande abraço de saudade para o amigo Vitor!!!





posta metida por: Ricardo Granjeia a 21.4.06

1 comentário(s)

quinta-feira, 20 de abril de 2006

1º de Dezembro

Abro hoje aqui uma série pequenos videos, dedicados ao mitico 1º de Dezembro, passado na casa do grande amigo Matos, Zé Matos! Era a Noite, de todas as noites!
Neste video podem ver, entre outros momentos nostalgicos, o famoso "Matos Tang" e o pequeno flemming do Pinto!



Não percam as próximas postas!!

posta metida por: Ricardo Granjeia a 20.4.06

0 comentário(s)

quarta-feira, 19 de abril de 2006

Mais uma primavera!

Pois é! calha a todos, e desta vez foi a mim!
Mais um ano que passa, mais um ano que se ganha!
E neste dia que sucede as minhas 26 primaveras, relembro "Os Verdes Anos" desta fotografia, fico com a vontade de dizer: "Ó tempo, volta p'ra trás!!".
Para terminar, quero agradecer a todos os amigos que simpaticamente me felicitaram, e também, de certo modo, àqueles que de nenhum modo o fizeram!
Para todos, um grande bem haja!

posta metida por: Ricardo Granjeia a 19.4.06

3 comentário(s)

segunda-feira, 17 de abril de 2006

Os amigos do Gaspar


Escrevo hoje a falar de uma das minhas séries preferidas (mais uma) d'Os Verdes Anos: Os Amigos do Gaspar! Esta série de marionetas primava acima de tudo por ser feita em Portugal e falada em português! Contava a historia de Gaspar e dos seus amigos, o Professor Pitágoras, do seu afilhado; o guarda Serôdio; Romão; a viúva Felismina, do Mangerico,etc.

Adorava a serie, e ainda adoro, pois na RTP Memória ainda passam os episódios, que transmitiam à pequenada valores tais como a amizade, alegria, entre outros. A banda sonora destes "bonecos" estava a cargo de Sérgio Godinho, temas como "É tão bom", "Pico Pico Mangerico", ainda permanecem na minha memória, que felizmente consigo recordar, pois a banda sonora desta série está à venda em cd.
Hoje deixo-vos a música de abertura da série, "É tão bom", interpretada por Sérgio Godinho.


Powered by Castpost

posta metida por: Ricardo Granjeia a 17.4.06

4 comentário(s)

domingo, 16 de abril de 2006

Les enfants terribles

Hoje deixo-vos mais uma fotografia histórica, é nada mais, nada menos que a fotografia de turma da primaria de alguns dos nossos amigos. E para que não restem dúvidas, as carinhas larocas e reguilas dos pinantes, também estão identificadas!

posta metida por: Ricardo Granjeia a 16.4.06

0 comentário(s)

sábado, 15 de abril de 2006

Não sejas mau pra mim!!

Estavamos em 1986, e Dora Maria Reis Dias de Jesus, ou mais conhecida como "Dora", era a nossa representante no Festival Eurovisão da Canção, com o mitico tema "Não sejas mau pr'a mim". Ora, para mim, isto foi o inicio do fim! Por outras palavras, o mau gosto nas letras das musicas, passando pelas coreografias foleiras, e acabando nas colossais permanentes das intérpretes, tudo valia, e foi em parte, o que contribuiu para Portugal nunca ganhar um lugar decente neste evento.
O que apenas recordo, e isso sim, com grande alegria, são temas como este, (entre outros que prometo publicar numa posta inteiramente dedicada à Eurovisão) , que nos deixam com uma saudade incrivel daqueles tempos, quando tinhamos que gramar o festival todo até as tantas no 1º canal!
Mas como recordar é viver, toca a afinar as vozes, clicar no "play", e cantar este sucesso da musica popular portuguesa!




NÃO SEJAS MAU PARA MIM

O lado bom da vida
o sonho de saber viver
é tempo de seguir
o novo arnanhecer

Não sejas mau p'ra mim
Oh Oh...
Só te quero a ti
Oh Oh...

Urna história de amor com «a»
não vou contar nern sequer esquecer
o lado bom de passar contigo
fica guardado no meu sentido
as fitas loucas, os beijos húmidos
as crises curtas, tudo bem
quero sonhar
curtir, abraçar
o fogo que arde em ti

Não sejas mau p'ra mim
Oh Oh...
Só te quero a ti
Oh Oh...

Não sejas mau p'ra mim
Oh Oh...
Só te quera a ti
Oh Oh...

Já nao sei se o problema
imaginar que tudo é possivel
nao faço ideia, se me virar
qual a cor do meu infinito
o som do amor, os beijos mágicos
o «in» e o «out», tudo bom
ficas ou vais
aguento até ver
espero ou nao por ti

Não sejas mau p'ra mim
Oh Oh...
Só te quero a ti
Oh Oh...
Não sejas mau p'ra mim

Não sejas mau p'ra mim
Oh Oh...
Só te quera a ti
Oh Oh...
Não sejas mau p'ra mim

posta metida por: Ricardo Granjeia a 15.4.06

0 comentário(s)

quinta-feira, 13 de abril de 2006

Ana Faria e os Queijinhos Frescos


Ora aqui está mais um dos sucessos musicais da pequenada d'Os Verdes Anos! Na altura em que eu ouvia a Ana Faria e os Queijinhos Frescos, onde os queijinhos eram nada mais nada menos que os filhos da Ana, não fazia a mínima que os sucessos que ela e os respectivos descendentes cantavam eram versões de clássicos da musica. Tudo aquilo me soava estranho mas nunca desconfiara.


Confesso-vos que hoje, ao ouvir os discos "Brincando aos Clássicos" volume 1 e 2, chego à brilhante conclusão de que isto de ouvir Ana Faria é um suplício!! Reconheço que cresci a ouvi-los, mas nos dias de hoje, estes "clássicos" em que todos eles tem nomes de crianças, é um verdadeiro atentado á musica clássica, e para provar isso, deixo-vos 2 sound bites, lançando desde já o aviso, para que não reproduzam o ficheiro mais que 2 vezes seguidas...

Miguel

Powered by Castpost

Luis

Powered by Castpost

posta metida por: Ricardo Granjeia a 13.4.06

2 comentário(s)

quarta-feira, 12 de abril de 2006

As traquinices


Ora aqui está uma revelação! Confesso que para mim também o foi, desde que recebi esta foto (mais uma do espólio do Carlos). Ora reza a lenda, que esta foto foi tirada, onde actualmente é a Ecopista, muito antes do auge d'Os Verdes Anos, nos "verdissimos" anos, em 1994, tempo de novas descobertas, quando a rapaziada estava no 9º ano, . O momento foi propício, o clic instantâneo, e os cús, esses são do Nuno e do Pinto, respectivamente. Divirtam-se!!

posta metida por: Ricardo Granjeia a 12.4.06

3 comentário(s)

terça-feira, 11 de abril de 2006

O Encontro Anual das Milfontes

Anualmente, por meados de Agosto, e antes de rumar para sul, era altura do encontro das Milfontes. A partida era nas sextas, rumo ao litoral alentejano, com a trouxa às costas: tendas, colchões, etc..tudo para se passar um grande e intenso fim de semana! Quando a maralha se juntava à mesa, começava o repasto que durava até as tantas da noite, muito bem regado e com umas guitarradas e uns fadinhos à mistura! Ali no restaurante 25, perto da igreja de V.N. de Milfontes.


Para variar, os fins das jantaradas, coincidiam sempre com o fecho do restarante, onde o nosso amigo Catapeta, fazia sobressair o seu espirito mais inquieto, e a troco de um meio whisky, varria a sala à proprietária do estabelecimento.
De salientar que este acontecimento, deixou de ser ocasional, para, passado alguns anos de encontros "Milfontianos", o nosso amigo César, torna-lo num acto já oficial, umas vezes com whisky, outras...nem por isso!
As noites do "nosso" fim de semana em V.N. de Milfontes, não deixavam ninguém indiferente, que diga a GNR, que por vezes nos escoltava até ao parque de campismo, ou outras até, que ainda dava um tempinho de subir ao depósito da água e mostrar o rabo ás meninas que passavam.

Ahhh! Os Verdes Anos, quando Milfontes não dormia, e os "alvaráses" apareciam de manhã dentro da tenda do Cajó!!


Um agradecimento especial ao amigo Carlos, que disponibilizou estas fotos para a "posta de pescada" de hoje!!

posta metida por: Ricardo Granjeia a 11.4.06

0 comentário(s)

segunda-feira, 10 de abril de 2006

Mais noitadas de sexta-feira


Mais uma foto a relembrar os velhos tempos, tirada na tasca habitual, a do Manel do Potes, desta vez com mais 3 amigos: Nuno, Pinto e Cajó!

posta metida por: Ricardo Granjeia a 10.4.06

0 comentário(s)

domingo, 9 de abril de 2006

A contagem final

It's the Final Countdown!!!
Quem não se lembra deste refrão!!
Estávamos em 1986 e nas rádios e tv, cada vez que se ouvia aquela introdução em órgão, (quem eu conseguia tocar horrivelmente no órgão electrónico comprado na feira) era um momento mágico!!!
Os cabelos compridos, os solos brutais, tudo isto fazia parte do rock dos anos 80, e os Europe eram os reis!!!
Espero que gostem!!!!

posta metida por: Ricardo Granjeia a 9.4.06

0 comentário(s)

sábado, 8 de abril de 2006

As Misteriosos Cidades de Ouro

Hoje deixo-vos mais uma das minhas sérias de animação preferida! As Misteriosos Cidades de Ouro!
N'Os Verdes Anos, esta magnifica série, transmitida na RTp em 1985, era uma produção que foi feita entre franceses e japoneses. No fim de cada episódio tinha um pequeno documentário sobre as grandes culturas sul-americanas.
Contava a grande aventura de Esteban no Novo Mundo, ou seja, na América Central e do Sul, em busca das lendárias cidades de ouro dos incas (Peru).
Para saber mais sobre esta série, acendam ao site oficial, na secção dos links.E para recordar, ou ver pela primeira vez, deixo-vos o genérico, em francês, como era transmitido na altura!


posta metida por: Ricardo Granjeia a 8.4.06

1 comentário(s)

quinta-feira, 6 de abril de 2006

Aniversário!

E já que estamos numa de homenagem de aniversário aos amigos, aqui deixo mais um, desta vez é especial! Esta posta é dedicada a uma grande amizade de longa data...verdadeira e genuina d'Os Verdes Anos, que fez dia 2 de Abril 26 anos!
Amigo Hélio, desculpa ter-me esquecido do teu aniversário, mas como recompensa, posso dizer-te que, para mim, este ano envelheceste mais tarde!

Um grande abraço!

posta metida por: Ricardo Granjeia a 6.4.06

1 comentário(s)

quarta-feira, 5 de abril de 2006

Playmobil

Perco a contagem aos dias, tardes, noites em que brincava com estes brinquedos! Sem dúvida os meus preferidos eram os dos Cowboys. Não digo que os tinha todos, mas possuia alguns entre os muitos que se vendiam na Casa Milho.

Eram a minha perdição em qualquer altura do ano, mas no Natal e nos aniversários, sempre cantava um conjunto maior, tal como aconteceu num Natal, em que recebi o Colorado Sprints, a minha felicidade! Só mesmo quem não teve estes maravilhosos bonequinhos, é que não poderá imaginar! Melhor, só mesmo depois no ano seguinte, nos meus anos, ter sido presenteado pela diligência!

Para os saudosistas destes bonequinhos, deixo-vos um link, no sitio do costume, para revivalizarem os vossos Verdes Anos!

Quero dedicar esta posta, ao amigo Cajó, que hoje completa 26 primaveras!!!
Muitos Parabéns!!!!

posta metida por: Ricardo Granjeia a 5.4.06

0 comentário(s)

segunda-feira, 3 de abril de 2006

As manhãs frias da Aldeia da Luz

Mais uma foto tirada na passagem de ano na Aldeia da Luz, desta vez, ilustrando o regresso das margens do rio Guadiana, em busca de madeira para o aquecimento. O que para uns estava frio, conforme se pode ver pelo capote alentejano envergado pelo Carlos, para outros estava um calor dos diabos!
O transporte, esse era a mítica Renault 4L, de 1985, que nunca se queixou do caminho, e ainda hoje me orgulho de ter uma!


Na foto: César, Juba, Pinto, Ricardo, Carlos.

posta metida por: Ricardo Granjeia a 3.4.06

0 comentário(s)

domingo, 2 de abril de 2006

Afonsinhos do Condado


Outro grande grupo musical do universo dos 80's, foi sem dúvida os Afonsinhos do Condado.
Formado em 1984 por Nuno Faria, Jorge Galvão e Eugénio Lopes, mais conhecido por Gimba, este grupo depressa se tornou um hit, com sucessos como "A Salsa das Amoreiras" e "Rolar no Chão"(a minha favorita), esta última vos ofereço hoje na integra, retirado do albúm "Açucar" reeditado em 1998, em versão remasterizada, no âmbito da série "Coração Português" da Polygram.


Espero que gostem!!!
Só mais uma coisinha...para os amantes do'Os Verdes Anos, na Rádio Comercial, aos sábados e domingos, oiçam o programa "80 à hora" , apresentado por Pedro Ribeiro, onde poderão ouvir estas e outras pérolas dos "eities"!!

"A Salsa das Amoreiras"


"Rolar no Chão"

Powered by Castpost

posta metida por: Ricardo Granjeia a 2.4.06

1 comentário(s)

sábado, 1 de abril de 2006

Os preparativos


Eram sempre uma festa....as festas do KBE! E um dos momentos que antecipava esse grande momento, era sem dúvida, os preparativos! O local, esse, era sempre o mesmo! a quinta do Carlos.
Das colunas de som, passando pelos plásticos q nos protegiam do frio, à coluna de cerveja, tudo era pensado! Houve um ano, se bem me lembro, até luzes psicadelicas houve!
Uma autêntica festa audio-visual!Escadotes, muita fita-cola, fios, enfim, uma panóplia de adereços pra proporcionar (mais) uma festa de arromba!
O pior era desmontar...aí eram sempre os mesmos!!!

posta metida por: Ricardo Granjeia a 1.4.06

1 comentário(s)